fale conosco Fale Conosco mapa do site mapa do site feeds rsstwitter

https://paperio-live.com/
https://pmasites.com/https://casinositeleriniz.com/https://fbhesq.com/
Spanishenglish.com spanishenglish.com makes it easy to translate Spanish to English, and it also helps to translate English to Spanish for free.
Ingilizce Turkce ceviri, Turkce Ingilizce ceviri, ingilizce turkce cumle ceviri, ingililizceyi turkceye ceviri gibi tum dillerde dogru ceviri hizmetleri bu sitede. ingilizceturkce.gen.tr
Replica Designer watches
https://babesoflondon.com/
bostanci escortanadolu yakasi escort
http://istanbulartsnob.comhttp://istanbullies.com/

baner principal com título e logo do estado
Imprimir

Current Size: 100%

  • Preto/White
  • White/Preto
  • Yellow/Azul
  • Standard

Current Style: Standard

Alteração na Lei de Criação


ASSEMBLÉIA LEGISLATIVA
ALTERAÇÃO NA LEI DE CRIAÇÃO DA CPH
 
LEI N° 7.786, DE 9 DE JANEIRO DE 2014
 
Altera e acrescenta dispositivos à Lei nº 6.308, de 17 de julho de 2000, e dá outras providências.
 
A ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DO ESTADO DO PARÁ estatui e eu sanciono a seguinte Lei:
 
Art. 1º Os arts. 3º, 4º e 5º da Lei nº 6.308, de 17 de julho de 2000, passam a vigorar com a seguinte redação:
 
“Art. 3º A CPH tem a seguinte organização básica:
I - Conselho Superior;
II - Conselho Fiscal;
III - Diretoria Executiva, constituída de:
a) Presidência;
b) Diretoria de Gestão Portuária;
c) Diretoria de Gestão Hidroviária;
d) Diretoria Administrativo-Financeira;
IV - Administrações Regionais.”
 
“Art. 4º O Conselho Superior, órgão de deliberação colegiada e de funcionamento permanente, terá por finalidade executar a política e as diretrizes de gestão interna para o setor.”
 
“Art. 5º O Conselho Fiscal terá por finalidade o acompanhamento e a fiscalização das atividades orçamentária, financeira e patrimonial da CPH.”
Art. 2º A Lei nº 6.308, de 17 de julho de 2000, passa a vigorar acrescida dos arts. 4º-A e 5º-A:
 
“Art. 4º-A O Conselho Superior é integrado por seis membros efetivos e por igual número de suplentes, e terá a seguinte composição:
I - Secretário de Estado de Integração Regional, Desenvolvimento Urbano e Metropolitano, que o presidirá;
II - o Presidente da CPH;
III - o Secretário de Estado de Planejamento, Orçamento e Finanças;
IV - o Secretário de Estado de Transportes;
V - um representante da classe dos trabalhadores, indicado pelo Conselho de Autoridade Portuária;
VI - um represente da classe empresarial, indicado pelo Conselho de Autoridade Portuária.
§ 1º Os suplentes dos membros referidos nos incisos I a IV deste artigo serão, obrigatoriamente, os que substituem legalmente em seus respectivos órgãos, em casos de impedimentos, ausências ou licenças.
§ 2º A investidura dos membros do Conselho Superior será mediante assinatura de Termo de Posse no livro de “Atas e Pareceres do Conselho Superior”.
§ 3º As deliberações do Conselho Superior serão tomadas por maioria de voto e registradas no livro de “Atas e Pareceres do Conselho Superior”.
§ 4º O Conselho Superior solicitará à CPH a designação de pessoal qualificado para secretariá-lo e prestar-lhe apoio técnico.
§ 5º A remuneração dos membros do Conselho Superior será fixada por meio de decreto do Chefe do Poder Executivo Estadual, observado o limite estabelecido na legislação vigente”.
 
“Art. 5º-A O Conselho Fiscal terá funcionamento permanente e será integrado por três membros efetivos e por igual número de suplentes, nomeados pelo Chefe do Poder Executivo Estadual.
§ 1º A investidura dos membros do Conselho Fiscal será mediante assinatura de Termo de Posse no livro de “Atas e Pareceres do Conselho Fiscal”.
§ 2º Os membros do Conselho Fiscal, em sua primeira reunião, elegerão o seu Presidente e o respectivo substituto, cabendo ao Presidente dar cumprimento às deliberações do órgão.
§ 3º As deliberações do Conselho Fiscal serão tomadas por maioria de voto e registradas no livro de “Atas e Pareceres do Conselho Fiscal”.
§ 4º Os membros do Conselho Fiscal e seus suplentes terão mandato de dois anos, permitida uma recondução.
§ 5º O Conselho Fiscal solicitará à CPH a designação de pessoal qualificado para secretariá-lo e prestar-lhe apoio técnico.
§ 6º A remuneração dos membros do Conselho Fiscal será fixada por meio de decreto do Chefe do Poder Executivo Estadual, observado o limite estabelecido na legislação vigente.”
 
Art. 3º Esta Lei entra em vigor na data de sua publicação.
 
PALÁCIO DO GOVERNO, 9 de janeiro de 2014.
 
SIMÃO JATENE
Governador do Estado
Copyright © 2012 - CPH (Companhia de Portos e Hidrovias do Estado do Pará)

Av. Generalíssimo Deodoro, 367
CEP: 66050-160, FONE: (91) 3221-4100
Umarizal - Belém - Pará

selo de validação w3c selo de feito em drupal selo de feito pela PRODEPA