baner principal com título e logo do estado
Imprimir

Current Size: 100%

  • Preto/White
  • White/Preto
  • Yellow/Azul
  • Standard

Current Style: Standard

Terminal Hidroviário de Belém passa por desinfecção contra a Covid-19

Terminal Hidroviário de Belém passa por desinfecção contra a Covid-19

Uma equipe formada por 30 homens da Marinha do Brasil, em escala de revezamento, realizam uma ação de desinfecção das áreas internas e externas do Terminal Hidroviário de Belém (THB). O trabalho, que iniciou na tarde desta sexta-feira (27), deve encerrar no final da noite e visa prevenir o contágio do novo coronavírus, já que o espaço recebe grande concentração de pessoas todos os dias. A iniciativa é uma ação articulada entre o Governo do Estado, por meio da Companhia de Portos e Hidrovias do Pará (CPH), e a Marinha do Brasil.

 

"A Marinha do Brasil ofertou ao Governo do Estado esta desinfecção que vem em um momento importante onde enfrentamos o novo coronavírus. É uma ação positiva que vai nos dar muita segurança para continuar atendendo os passageiros. Nossa principal intenção aqui é prevenir possíveis contágios", destaca Abraão Benassuly, presidente da CPH, que esteve acompanhando a ação.

 

 

Com auxílio de bombas de pulverização contendo produtos químicos e roupas especiais, os militares do 2º Batalhão de Operações Ribeirinhas, do 4º Distrito Naval, desinfectaram as dependências do THB como salões de embarque e desembarque, cantinas, lojas, guichês e estacionamento, além dos dois conjuntos navais. O trabalho foi realizado de forma tranquila, já que o THB registrou somente um desembarque no momento da ação, que começou por volta das 15h.

 

"Nós estamos com nossas equipes disponíveis para atender as demandas que aparecerem do novo coronavírus, que é um incidente biológio e viral que exige medidas específicas de descontaminações onde ocorrem grande fluxo de pessoas. Nossa ação aqui no THB é importante porque há um grande fluxo de passageiros todos os dias. Nosso objetivo maior é resguardar a vida dessas pessoas e impedir que o vírus possa se propagar", explica o comandante Flávio Moraes, da Marinha do Brasil.

 

 

Segundo o comandante, os militares que participam da ação foram treinados previamente para esse tipo de situação. "A equipe tem capacitação para atuar em incidentes nucleares e biológicos. Todos passaram por cursos necessários para esse tipo de emergência", completou ele, ressaltando que a Marinha do Brasil deve realizar a mesma ação no Terminal Rodoviário de Belém neste sábado (28) e Aeroporto Internacional de Belém em breve.

 

O Terminal Hidroviário de Belém recebe cerca de 2,3 mil usuários por dia, mas esse número reduziu bastante nos últimos dias, já que os usuários estão atendendo ao apelo do Governo do Estado para o isolamento social, realizando viagens somente em casos necessários.

 

 

 

Por Bruno Magno (Ascom CPH) / Fotos: Jader Paes (Agência Pará)

Copyright © 2012 - CPH (Companhia de Portos e Hidrovias do Estado do Pará)

Av. Generalíssimo Deodoro, 367
CEP: 66050-160, FONE: (91) 3221-4100
Umarizal - Belém - Pará

selo de validação w3c selo de feito em drupal selo de feito pela PRODEPA